Jucepi vai lançar carteira profissional do empresário

Jucepi vai lançar carteira profissional do empresário

A Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi) e a Agência de Tecnologia da Informação (ATI) iniciaram as tratativas para a criação da carteira profissional do empresário piauiense. Em reunião, nesta sexta-feira (3), a presidente da Jucepi, Alzenir Porto, e o diretor-geral da ATI, Antônio Torres, acompanhados de equipes técnicas dos dois órgãos, discutiram as características do documento como informações, serviços agregados, segurança da informação e formatos. Da Jucepi, estiveram presentes os técnicos de TI Rafael Oliveira e João Eliezyo Sousa; participou também, por videoconferência, James Matos, da empresa Vox Tecnologia, responsável pelo sistema on-line Piauí Digital.

A presidente Alzenir Porto explica que a carteira atende às necessidades do empresário e funcionará como identidade oficial, reunindo as informações do titular e da empresa. “Em parceria com a ATI, vamos iniciar esse processo para que possamos, daqui a alguns meses, lançar a carteira. Se observarmos, outras categorias profissionais liberais já têm a sua identificação e o empresário, que exerce um papel tão importante dentro do empreendimento na própria economia do país, está precisando também dessa identificação. E o Piauí quer corrigir essa falha de longos anos, que é mostrar para o nosso empresário que ele é importante e nós temos sim que estar atento às suas necessidades e atendê-lo”, afirma a gestora.

De acordo com o diretor-geral da ATI, a ideia é que a carteira tenha dois formatos: físico e digital. “A forma física contendo todos os dados da empresa, com QR-Code para facilitar os trâmites onde o empresário estiver e se identificar e uma outra forma digital. A carteira digital seria permanentemente atualizada com qualquer dado modificado como participação societária, aumento de cotas, novo sócio. Uma série de coisas que facilitará a vida do empresário. Hoje, a comodidade é padrão e, nesse sentido, inclusive, o certificado digital vai ser opção para o empresário e, quem sabe daqui a algum tempo, essa carteira possa ser o documento único da empresa, o que vai facilitar o dia a dia do cidadão”, explica Antônio Torres.

A carteira do empresário já existe nos estados da Bahia e do Rio de Janeiro. A meta da Jucepi é lançar o serviço ainda no primeiro trimestre de 2020.

Principais características da carteira do empresário:

Carteira digital ou física (plástico com tecnologia smart card e chip eletrônico);

Certificado digital do empresário;

QR–code com link para validação das informações do empresário e da empresa;

Preços diferenciados de acordo com o porte da empresa:

Microempreendedor individual (MEI);

Microempresa (ME);

Empresa de pequeno porte (EPP) e demais.

 

FONTE: http://www.jucepi.pi.gov.br/noticia.php?id=480

 

Fechar Menu