4 dicas para evitar cair em golpes de falsos leilões virtuais

4 dicas para evitar cair em golpes de falsos leilões virtuais

Com mais tempo em casa, muitas pessoas têm navegado de maneira mais frequente na internet e, com isso, tornando-se alvo de golpistas através de alguns crimes cibernéticos, dentre eles, os falsos leilões virtuais. 

Dessa maneira, separamos 4 dicas para evitar cair em golpes de falsos leilões virtuais. São elas:

🔴 1- Prestar atenção a URL do site

Geralmente os sites falsos terminam com endereço eletrônico “.org”, o que dá margem para desconfiança porque o sites enganosos têm se apresentado como de um “Governo do Estado”, mas se assim o fosse, ele terminaria com “.br”

🔴 2- Informações imprecisas

Atenção para a falta de transparência que há nos sites falsos. Muitas informações são imprecisas. Além disso, há também alguns erros de português na grafia das palavras. É preciso ler com atenção!

🔴 3- Presença de um leiloeiro 

Todo site de leilão precisa ter um leiloeiro. Os sites enganosos geralmente não apresentam a figura de um leiloeiro para intermediar a aquisição do bem.

🔴 4- Idoneidade do leiloeiro

Caso um site duvidoso chegue a fornecer o nome de alguém alegando que é o leiloeiro, o consumidor pode checar a veracidade da informação através do site da Junta Comercial do Estado. Caso não conste o nome dele no registro, fica evidente que a pessoa apresentada como leiloeiro é falsa.