Comitê de desburocratização ganha canal de comunicação no site da Jucea

A Junta Comercial do Estado do Amazonas (Jucea-AM) disponibiliza, em seu site www.jucea.am.gov.br, desde sexta-feira (05/07), canal de comunicação para o usuário enviar suas sugestões e opiniões para o Comitê Estadual da RedeSim (também conhecido como Comitê de desburocratização), composto por 30 órgãos envolvidos na constituição e licenciamento de empresas no estado.

O objetivo do canal de comunicação é estreitar ainda mais o relacionamento com o usuário e entender onde é preciso melhorar os serviços e atendimentos oferecidos pelos órgãos. O comitê tem por finalidade criar e resgatar projetos voltados para a desburocratização e a simplificação na constituição de registro e licenciamentos para abertura de empresas no Amazonas.

Compõem o comitê: Governo do Amazonas, Associação Amazonense dos Municípios (AAM), Associação Comercial do Amazonas (ACA), Associação dos Notórios e Registradores do Estado do Amazonas (Anoreg-AM), Casa Civil, Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, Conselho Regional de Contabilidade (CRC -AM),    Conselho Regional de Administração (CRA- AM), Conselho Regional de Economia (Corecon), Delegacia da Receita Federal, Federação da Câmara dos Dirigentes Lojistas (FCDL), Federação do Comércio de Bens e Serviços e Turismo do Estado do Amazonas (Fecomercio),    Federação da Agricultura e Pecuária do Amazonas (FAEA),    Federação das Associações de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Amazonas (Femicro), Fundação de Vigilância Sanitária (FVS), Instituto Municipal de Planejamento Urbano do Município de Manaus (Implurb), Instituto de Proteção Ambiental do Estado do Amazonas (Ipaam), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Prefeitura de Manaus, Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis, Perícias e Informações do Amazonas (Sescon), Secretaria de Meio Ambiente (Sema), Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e inovação (Seplancti), Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-AM), Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Secretaria Municipal de Finanças do Município de Manaus (Semef), Secretaria de Segurança Pública (SSP), Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab) e Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa).

De acordo com o presidente da Jucea, Ênio Ferrarini, a autarquia dá mais um importante passo no projeto de modernização e simplificação do Registro Mercantil no Brasil e na melhoria do ambiente de negócios com a implantação do Subcomitê Estadual da RedeSim. Embora haja previsão em lei, poucas juntas comerciais do Brasil já implantaram o Comitê, e o Amazonas mais uma vez se destaca neste projeto.

“Na condição de responsável pela governança estadual da Redesim e de integrador entre todos os órgãos que compõem o processo do Registro Mercantil, a Junta Comercial do Amazonas tem exercido um bom protagonismo em nível estadual e nacional neste projeto. O Subcomitê Estadual tem muitos aspectos importantes. Ao promover o encontro presencial dos órgãos que compõem o projeto, permite a participação da sociedade civil por meio das entidades de classe que compõem o comitê e, por fim, como uma iniciativa particular da Jucea, democratiza ainda mais o processo, ao permitir que o cidadão e profissionais da área apresentem suas sugestões e críticas diretamente ao comitê por meio de canal específico criado em nosso site”, destacou Ênio Ferrarini.

RedeSim-AM – Todas as informações sobre o processo para abertura, alteração e baixa da empresa, bem como sua regularização nos órgãos de licenciamento, estão disponíveis de forma digital, no portal RedeSim-AM, no site da Jucea, que passou a receber somente processos enviados de forma 100% digital no dia 15 de abril.